10 Discos que Completaram 20 Anosem 2017 - #submundodosom

Posts

sábado, 16 de dezembro de 2017

10 Discos que Completaram 20 Anosem 2017

Em 1997, grandes álbuns clássicos da nossa música foram lançados, mostrando uma força da produção nacional dos anos 90. O Submundo do Som listou 10 discotecas em 2017, mais 20 anos de trajetória, se liga aí:

1. Sobrevivendo No Inferno - Racionais MC's

Quinto álbum de estúdio do grupo formado por KL Jay, Ice Blue, Edi Rock e Mano Brown, com produção de Gertz Palma e dos Racionais MC's, gravado por Cosa Nostra o disco segue com um dos mais importantes do rap nacional, pois mostra a Veia Gangsta do grupo em temas tabus para época como racismo, desigualdade social, violência policial eo sistema carcerário. O disco segue como inspiração para muitos grupos de rap.

2. Transpiração Continua Prolongada - Charlie Brown Jr
Disco de estreia da banda de Santos, formada por Chorão, Champignon, Marcão, Thiago e Pelado, com uma sonoridade única o Charlie Brown Jr mistura o rock com ska, reggae, hardcore eo rap, trazendo participações inclusivas de PMC e DJ Deco, grandes clássicos da banda saíram desse álbum, como "Proibida Pra Mim", "O Coro Vai Comer", "Quinta Feira" e "Tudo Que Ela Gosta De Escutar".

3. Os Cães Ladram, Mas A Caravana Não Pará - Planeta Hemp
 Segundo disco da banda carioca, o Planet Hemp ganhou o mundo com suas fortes letras que pedem uma descrição da maconha, bandeira que causou inúmeros problemas para o grupo como cancelamento de shows e até um prisão do grupo, a seguir o título: "Os Cães Ladram Mas A Caravana Não Para ". O vocal BNegão gravou o disco, mas deixa uma banda para seguir carreira com o Funk Fuckers, sendo substituído por Black Alien, e retornando para o terceiro álbum da banda.

4. Lapadas do Povo - Raimundos
Nesse álbum dos Raimundos deixa de lado como músicas esculturais, e adotam uma postura mais séria, o que foi considerado da versão "forrócore". O disco é o quarto da banda, com produção no estrangeiro, uma carga de Mark Dearnley, que produziu também Motorhead, AC / DC e Paul McCartney e tem uma capa de imagem de uma parte traseira de caminhão, foto tira na Califórnia pelo rodie da banda. Nesse trabalho os Raimundos tiveram um flerte maior pelo metal alternativo e groove metal.

5. RZO - RZO
Em 1997 o RZO ​​lançou um álbum, que carrega o nome da banda, que consistia em juntar todas como músicas já feitas pelo grupo, pois muitos singles já haviam sido lançados, e entrou nessa coletânea, também, como músicas do LP O Trem: " Pirituba "e" O Trem ", e também como músicas do álbum Vida Brasileira, o primeiro registro do grupo. Vale lembrar que nesse momento o DJ Cia ainda não fazia parte do grupo.

6. Thaíde & DJ Hum - O Começo 87/91 - Thaíde & DJ Hum
Em 1997, uma dupla Thaíde e DJ Hum lançam uma coletânea que visa revisitar uma carreira dos artistas, o disco: O Começo 87/91. Que marca a partir de uma dupla se conheceu, passando pelo prêmio LP Hip Hop Cultura de Rua, lançado por Eldorado, ou disco Pergunte a Quem Conhece eo álbum Hip Hop Na Veia de 1990. Com 17 faixas, sendo um remix de "Corpo Fechado ", O disco mostra o que de melhor Thaíde e DJ Hum produzi no período que dá o nome ao álbum.

7. Cadeia Nacional - Pavilhão 9
Disco que tem na capa a emblemática máscara que se tornou símbolo da banda. Esse é o quarto disco da banda eo projeto de fato o Pavilhão 9 para o restauração do Brasil, como produção de Edu K e Beto Machado, o disco com participação de Marcelo D2 e ​​da Nação Zumbi na música "Bem Bolado", Uma forma de homenagear Chico Science, que faleceu pouco antes do P9 entrar em estúdio para a gravação do Cadeia Nacional.

8. Faces do Subúrbio - Faces do Subúrbio
Faces do Subúrbio vem com um disco que mescla o rap com hardcore ea embolada, trazendo como raízes nordestinas, neste caso a veia pernambucana, com um World Músic. Faces do Subúrbio é um disco independente que marca uma estreia do grupo, não há mais anos atrás disco para reluzente pela gravadora MZA Universal. O álbum tem 8 faixas e apresenta uma ótima dobradinha entre os rappers Tiger e Zé Brown, com sucessos como "Crime Acima da Lei", "Críticas e Críticas" e "Homens Fardados".

9. Quebra Cabeça - Gabriel, o Pensador
Gabriel o Pensador chega com seu terceiro disco, ou álbum clássico da Quebra Cabeça, lançado pela Sony Music, e produzido por Memê, o disco teve mais de 1,5 milhões de cópias vendidas, gerando uma disco de platina e outro de ouro, e Tem como principais faixas "2345meia78", "Dança do Desempregado", "Cachimbo da Paz". O álbum tem elementos que fogem da estética comum do rap, como como guitarras mais voltadas ao rock, sendo um dos trabalhos mais elogiados dentro e fora do hip hop.

10. Agora Tá Valendo - Devotos Ódio
Devotos do Ódio, grupo de Recife, de punk rock, teve sua estreia com o disco Agora Tá Valendo, que teve o assinada por Lúcio Maia, guitarrista da Nação Zumbi. O disco tem 18 faixas com muito Hardcore e Punk Rock, e ajudou o Devotos a se tornarem conhecidos e levou para todo o Brasil o nome da comunidade do Alto José do Pinho. O registro levou novidades até uma conclusão, com muitas frustrações até a sua conclusão em 1997.

Nenhum comentário:

Postar um comentário