Subscribe Us

header ads

Além do Algoritmo | Um Rolê Pelo Underground Nacional

Os serviços de streaming como Deezer, Youtube e Spotify, assim como as redes sociais funcionam com o famoso algoritmo, que resumidamente é uma forma para que essas plataformas lhe empurre aquilo que elas querem que os usuários consumam, a todo instante dando alguma "dica" de algum artista que promoveu seu trabalho investindo uma moeda. E para aqueles que não estão no algoritmo existe o Submundo do Som, e vários outros sites, que preza pelo underground, aqui vamos listar cinco artista que estão além do algoritmo e que vale uma atenção, mais que especial. Confira: 

Prensado - Licio Gomez

O pernambucano Licio Gomez apresenta as cobranças da rua e o universo do tráfico em "Prensado", música que com beat de Thiago Honorato (A Orquestra Imaginária) que bebe do rap dos anos 80 e comunhão com o funkadelic e uma pegada do miami bass, enquanto que inova em uma levada cypher punk, futuristica e ao mesmo tempo retrô, para dar a letra que no mundo crime são raras as segundas chances, e que nesse universo ascensão e queda andam lado a lado. O lyric video é assinado aqui pelo Submundo do Som, pelo nosso braço Lyric Way, cuja inserção de elementos visuais ajudam a transmitir a mensagem densa da música.

Scota - Moç

Da baixada Santista tem o som "Scota" dos caras do Moç, nome que significa "Caos, Harmonia, Loucura, Reflexão", e é filosofia do grupo. A música ganhou vídeo clipe e faz parte do EP homônimo, lançado em fevereiro de 2020, com instrumentais do DJ Mu540 e versos de Izzi e Lealcosmos, e gravação e pós produção no Estúdio Bom Bando. Moç chama a atenção pelo experimentalismo sem medo de arriscar, trazem a essência do trap aliada a gangueiragem do rap oldschool com temas sobre a espiritualidade e a organização no meio em que vivemos.

Mãe - Marilía Corrêa

Temos o groove de quebrada da campineira Marília Corrêa, compositora, cantora e interprete a artista também violinista e percussionista, e bebe do soul, blues, jazz, MPB, rock e Hip Hop. "Mãe" é um dos singles da cantora, gravado no Cajueiro Audio, onde o guitarrista Mauricio Cajueiro performou guitarra, o baixo ficou a encargo de Marcelo Cruz, piano por Cleberson Abade e backing vocal feitos pela Caroline Blumer, Marília Corrêa além de catar toca violão, em música que fala sobre os cuidados maternal, em uma verdadeira homenagem a todas as mães.

Dolores - Sub Rock

A banda Sub Rock, formada por remanescentes da extinta Subeclipse, lançou seu primeiro single, a música “Dolores”, que integrara o EP do grupo a ser lançado pelo selo Crossover Br e gravada no Estúdio Conspiração, em Osasco, com produção de Kleber Muniz e Lau Andrade. Na sequência, para estreitar as barreiras entre o Brasil e seus vizinhos, o Sub Rock lançou a versão em espanhol do som, contando com a participação do vocal de Patrícia Rod Mal, da banda Suiteluxo, nessa releitura.


12 (Full Album) - Thamy Iannuzzi

Fechando a lista dessa semana, temos mais um artista representante da cena de Santos, a MC Thamy Iannuzzi, que lançou o EP 12, com quatro faixas, e abaixo você confere o álbum na integra. Com esse trabalho que passeia do boombap ao trap e bebe de fontes como o soul, blues e o jazz, Thamy mostra o universo feminino, sem ser um mero backing vocal no rap, sendo protagonista de sua história e refletindo esse empoderamento nas letras, sacando toda versatilidade que acumulou na carreira. O EP tem produção de Timothy Infinite, Chazan, Izzi e MoonKiteBeats e foi gravado no Moç Estúdio.

#AlémDoAlgoritmo

Postar um comentário

0 Comentários