O Retorno do Costa a Costa - Submundo do Som

Breaking

Home Top Ad

Post Top Ad

segunda-feira, 1 de junho de 2020

O Retorno do Costa a Costa


Já imaginou se um dos mais icônicos grupos do rap nacional e um dos principais pilares do rap nordestino anunciasse seu retorno? Tal suposição está preste a se tornar realidade e vem como um presente para a atual cena como para os fãs do Costa a Costa.

O grupo nasceu em terras cearenses no ano de 2005, por Nego Gallo e Don L, após dois anos, o grupo brinda a cena com a elogiadíssima mixtape Dinheiro, Sexo, Drogas e Violência de Costa a Costa, lançada pelo selo DuNego, de forma independente, vendendo 8 mil cópias em todo território brasileiro e com mais de 25 mil downloads, popularizando o álbum, gerando críticas positivas e influenciando a nova cena do Hip Hop em todo país

Com o fim do grupo, Don L e Nego Gallo seguiram carreiras solo, o primeiro se mudou para São Paulo e lançou grandes obras como "Caro Vapor / Vida e Veneno de Don L", de 2013 e "Roteiro Para Aïnouz, Vol. 3", de 2017. Já Nego Gallo lançou em 2019 a mixtape Veterano, enquanto que o DJ Flip Jay segue como maestro dos toca-discos e militante do Hip Hop, sendo presença constante em eventos culturais tanto em Fortaleza como em São Paulo.
Cartaz de divulgação da live de Nego Gallo com Slick

No último sábado, dia 31/05/2020, Nego Gallo participou de uma live comandada pelo rapper e ativista Breno Slick, artista potiguar que integra o emblemático grupo Time de Patrão e dentro o bate papo variado com muitos temas, o cearense acabou soltando um spoiler sobre a volta do Costa a Costa, o Gallo disse:

"Dessa vez eu vou vim numa pegada mais Costa a Costa, talvez fazer um retorno dessa ideia!"

"Um retorno do Costa a Costa, Gallo?" Pergunta Slick quase que se levantando da cadeira de tamanha empolgação, e o rapper continua: "Mas aí eu queria participações: Costa a Costa participação Diomedes, Costa a Costa participação Vandal, Costa a Costa participação Baco, tá ligado?"

Confira o trecho do vídeo da live:


O retorno do Costa a Costa é dos marcos mais importantes dessa fase do Hip Hop nacional, as poesias que retratam o gueto e as vivências nas periferias somadas com sonoridades que vão do funk ao samba, passando pelo carimbó e ritmos afro-latinos, além de apostar em samples da música brasileira como Bezerra da Silva e Tim Maia.

Quando Don L e Nego Gallo se encontraram, ambos integravam grupos de Fortaleza como o Plano B e o Brigada de Rua, as ideias se conectaram e em seguida somou Berg Mendes e DJ Flip Jay, e posteriormente Cabeça e Aluza, nascendo assim o Costa a Costa.

O grupo venceu duas vezes o badalado Prêmio Hutúz, um dos mais importantes já existentes para coroar grandes personalidade do Hip Hop no Brasil, na ocasião o grupo levou em 2007 na categoria “Norte-Nordeste” e em 2009  "Melhores grupos/artistas do Norte-Nordeste da década", junto com os conterrâneos Rapadura e Comunidade da Rima.

A noticia de retorno do grupo, revelada na live com Breno Slick, vai pegar os fãs de surpresa, ao mesmo tempo que vai movimentar ainda mais a efervesceste cena do rap, dando aquela sacudida que o atual cenário necessita. Já podemos ansiar por novas canções e trabalhos lançados por Gallo e Don L, dois nomes que reinventaram muita coisa dentro do rap e esperamos que essa evolução vinda do nordeste desperte vários outros talentos do movimento, e quem tem a ganhar é a cultura e os fãs do Hip Hop.

Confira também a mixtape Dinheiro, Sexo, Drogas e Violência de Costa a Costa:
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Páginas