Acontece

[Acontece][bsummary]

Resenha de Discos

[Resenha de Disco][bsummary]

Se Liga!

[Que Loko][bigposts]

Internacional

[Internacional][twocolumns]

David Prado mostra no drill um "Novo Horizonte"

 


Os lançamentos do rap nacional seguem em escala industrial e seguimos atentos as novidades, dividido com os seguidores boas indicações da nossa música. Hoje temos o prazer de trazer o lançamento de “Novo Horizonte”, nova música de David Prado.

Antes, vamos passar rapidamente pelo corre desse mano. David Prado é cria do Grajaú, na Zona Sul de Sampa. Influenciado pelo skate, iniciou no rap na primeira metade dos anos 2000, tendo como referências grupos da cena underground como o Quinto Andar, Oficina da Rima e Consequência e em 2012 passa a integrar o coletivo Epycentro, e com isso faz diversas participações com vários nomes da cena, e do mesmo modo participa de grandes do Hip Hop nacional. Em 2018 lançou seu primeiro trampo solo, o “Novo Rumo”, em 2019, ao lado de JPA Epycentro e Franja Epycentro lança “Tá No Topo” e em 202º a música “Rap 30”, repetindo a parceria com JPA Epycentro e agora com Boras Stare Zwoje.

Pois bem, depois de um ano é a vez das ruas conhecerem “Novo Horizonte”, a qual traz um pouco da sua passagem pela Europa, dos dois anos em que viveu em Dublin (2016), o drill que pode ver na cena Irlandesa e Londrina. Apesar da modernidade sonora o single “Novo Horizonte”, com produção assinada por Allblack, mantém as raízes do MC, com David com rimas conscientes e contundente.

“Novo Horizonte” também ganhou clipe, roteirizado por JPA Epycentro e David, que também assina a edição do filme. Já a mixagem e masterização ficou a encargo do produtor Esze de Doins, do Grajaú, no estúdio Danavalha Record’s. O clipe vem na pegada do drill europeu e mantém a atmosfera densa e tensa tanto nas imagens, como no som. Confira:


A música é o pontapé inicial para um EP solo de David Prado, que também segue trampando com o Epycentro. O álbum terá cinco faixas com diferentes produtores, o qual o rapper planeja lançar ainda no ano de 20021, e avisa:

A todos que acompanham e curtem meu trabalho, não vão se decepcionar com esse EP, terá muita música consciente e instrumentais a altura, um trabalho que vem sendo feito todo em casa devido a pandemia, e estou ansioso para lançar o EP completo”.


Um comentário:

  1. Muito obrigado pela oportunidade e espaço, vida longa submundo do som 👊🏼👊🏼👊🏼

    ResponderExcluir