Lançamento

[Lancamento][bsummary]

Acontece

[Acontece][bsummary]

Resenha de Discos

[Resenha de Disco][bsummary]

Se Liga!

[Que Loko][bigposts]

Internacional

[Internacional][twocolumns]

Pedra na Selva de Pedra | Bem-vindo ao Território Insólito


Por quais territórios você tem caminhado?

Quando a noite cai e o frio chega, alguns buscam a luz do cachimbo para se esquentar. Alguém apresado, com a vida corrida, nem vê a outra vida debaixo da marquise. Viciados em trabalho, em ganhar dinheiro, em dar ordens, em fazer o outro obedecer. Dependentes disso versus dependentes químicos cohabitam o mesmo território insólito, a mesma selva. E nesse pano de fundo que o projeto Teritório Insólito apresenta seu primeiro tema, a música "Pedra na Selva de Pedra".


Com certeza você já ouviu falar do Asfixia Social, uma das bandas mais pancadas do nosso underground. Se não ouviu, tá moscando... Mas clique aqui e conheça o trampo dos caras. Da linha de frente do Asfixia Social vem o Kaneda, vocal e sopros, que agora apresenta esse Território Insólito para explorarmos. Suas vivências no punk e Hip Hop, e que passam pela raiz da música brasileira, agora explode no boombap, - que equilibra o eletrônico e orgânico - as contestações de sempre.


Acompanhando esse rolê pela noite fria da cidade cinza, estão o rapper Bux THB e a Ana Cacimba. O primeiro tem como padrinho o Maestro do Canão, Sabotage foi quem incentivou Bux THB a iniciar nos palcos, Já Ana Cacimba vem de origem quilombola, é cantora, atriz e instrumentista, carrega na sua arte todo seu legado e acestralidade.


O trio aparece no audiovisual de "Pedra na Selva de Pedra", no coração de São Paulo, - local que contrasta a desigualdade social na cidade mais rica da América Latina e inspirou o tema da canção - cujas imagens foram captadas pelo Daniel Irponi e direção foi feita pelo coletivo Da Rua pra Rua. Além disso, um time de peso trabalhou nos bastidores desse som: Luciana Simões no piano, Henrique Kehde na bateria, Isaque BarrocaBeat no baixo, Thiago Frog na guitarra, Carlos PXT no órgão, sintetizador e percussão e o DJ Tano (Z'África Brasil) nos scratches. 


Ouça: Território Insólito - Pedra na Selva de Pedra

Nenhum comentário:

Postar um comentário